Publicado em Eu li...

{eu li} O herói discreto

4sEscolhi esse livro para ganhar de presente, sem me lembrar de como o autor é importante, um dos grandes nomes da literatura latina. Nunca tinha lido nada do autor e fiquei muito satisfeita com minha escolha, o livro me arrancou risos, sustos, me levando a surpresas prazerosas e lembrando valores importantes da vida.  Li que não é um dos melhores, então acredito que vou gostar muito dos anteriores.

O livro conta a história de dois personagens centrais: Felícito Yanaqué dono de uma empresa de transportes em Piura, no norte peruano, que começa a ser chantageado por uma suposta milícia e Ismael Carrera, viúvo septuagenário dono de uma companhia de seguros, em Lima, que decide mudar o rumo de sua vida se casando de novo sem deixar um tostão para os filhos ambiciosos e perversos.

Quem acompanha a história de Ismael se envolvendo até o pescoço com problemas por causa disso é Don Rigoberto com sua esposa Lucrecia e o filho Fonchito. Fonchito também faz parte de um mistério que deixa a todos encucados. Essa família já apareceu em dois livros anteriores: Elogio a madrasta e Os cadernos de Don Rigoberto, que estou bem curiosa para ler.

Outro personagem que volta é o policial Lituma (do livro Lituma nos Andes).”Infelizmente, vivemos em um mundo em que muitas vezes a ambição faz com que desmoronem os princípios, os valores, sem nenhum escrúpulo”, afirmou o escritor em entrevista a Agência Efe.”É curioso. Com alguns personagens, quando começo a pensar em trazê-los para uma história, se oferecem como se não tivessem sido aproveitados o bastante nas obras anteriores. Aqui, embora os personagens venham de mundos muito diferentes, seus destinos se unem misteriosamente, como acontece muitas vezes na vida”.

Todo o enredo é construído de forma brilhante: intrigas, reviravoltas, traições, amor, ódio e ambição entram em cena para retratar a situação do Peru e da sociedade latina em geral.”Se tornou uma cidade moderna, que cresceu muito e que vive uma prosperidade positiva, mas que também trouxe problemas de delinquência antes desconhecida” diz Vargas Llosa. Ou com outras palavras, as do sargento Lituma no romance: “Estas são as consequências do progresso”.

No livro o autor também faz críticas a imprensa e ao comportamento de abutre nos programas sensacionalistas tão comuns e famosos.”A imprensa muitas vezes explora isso de uma maneira tão irresponsável que termina contaminando todo o mundo político, as instituições”, diz Vargas Llosa.

mario V L+ sobre o autor: Mario Vargas Llosa além de jornalista, dramaturgo, ensaísta e crítico literário, é um escritor consagrado internacionalmente. Nascido em Arequipa, no Peru, em 1936, ganhou notoriedade literária com a publicação do premiado romance A Cidade e os Cães (1961). Mudou para Paris nos anos 60, e lecionou em diversas universidades americanas e européias, ao longo dos anos. Com uma vasta produção literária, que inclui peças teatrais, ensaios e memórias, Vargas Llosa publicou sobretudo romances, entre eles Conversa na Catedral, Pantaleão e as Visitadoras, Tia Júlia e o Escrevinhador, A Guerra do Fim do Mundo, Quem Matou Palomino Molero? e Cartas a um Jovem Escritor.
Foi vencedor dos prestigiosos prêmios Cervantes, Príncipe de Astúrias, PEN/Nabokov e Grinzane Cavour. Em 2010, ganhou o prêmio Nobel de Literatura. De acordo com a Academia Sueca, a escolha seu deu por conta da “cartografia das estruturas do poder e afiadas imagens de resistência, rebelião e derrota do indivíduo” que aparecem na obra de Llosa. Numa incursão ao mundo da política, candidatou-se, em 1990, à presidência do Peru, perdendo a eleição para Alberto Fujimori.

Programa Roda Viva com o autor (13/05/2013).

Sinopses:

Elogio a madrasta

Lucrécia e dom Rigoberto vivem em contínua felicidade. Ela, uma mulher que acaba de completar 40 anos, nada perdeu de sua elegância e sensualidade; ele, no segundo casamento, descobriu finalmente os prazeres da vida conjugal. Juntos, crêem que nada pode afetar esse idílio, cheio de fantasias e sexo. Alfonso, ou Fonchito, filho de dom Rigoberto, parecia ser o único empecilho; amava demais sua mãe, Eloísa, para aceitar a chegada de uma madrasta. Mas até ele foi conquistado pelos encantos de dona Lucrécia. O amor do menino por sua madrasta, entretanto, vai muito além do que se esperaria de uma criança, criando uma linha tênue entre a paixão e a inocência que mudará o destino de cada um deles.

Os cadernos de Don Rigoberto

Os cadernos de dom Rigoberto é um livro arrebatador sobre a arte de amar, em suas formas mais variadas e profundas. Lançado originalmente em 1997, tornou-se um sucesso mundial. No romance, Vargas Llosa retoma os personagens de seu romance Elogio da Madrasta, de 1988, para narrar uma nova história de paixões e intrigas. Dom Rigoberto, embora seja um homem discreto, leva uma vida dupla. De dia, comporta-se como um senhor respeitável e de hábitos metódicos. À noite, aproveita as madrugadas insones para registrar fantasias amorosas em seus cadernos. Neles, sua ex-mulher, a voluptuosa Lucrecia, ocupa sempre o espaço da personagem principal.

Por trás da aparência austera de corretor de seguros, esconde uma obsessão pelas mais loucas fantasias sexuais. Embora tenha passado anos de completa felicidade com Lucrecia — uma mulher sensual que amava atender seus desejos —, Rigoberto interrompeu bruscamente o idílio em que viviam quando descobriu que ela e Fonchito — filho de seu primeiro casamento — mantinham um tórrido caso amoroso. Assim, viu-se obrigado a expulsá-la de casa. O que dom Rigoberto não sabe é que foi o filho quem seduziu a madrasta, num plano maquiavélico para afastá-la de suas vidas. Agora, o destino de Lucrecia e dom Rigoberto está prestes a mudar. Fonchito, misteriosamente, põe em operação um plano para voltar a unir o casal. Mesmo sem descobrir o que o menino pretende, Lucrecia se deixa levar por essa nova artimanha que a colocará, mais uma vez, em contato com o que mais desejou

Obra completa:

  • Os Chefes (1959)
  • A cidade e os cachorros (Brasil)  (1963)
  • A Casa Verde (1966) (Premio Rómulo Gallegos)
  • Os Filhotes (1967)
  • Conversa na catedral (Brasil) (1969)
  • Pantaleão e as visitadoras (1973)
  • Tia Júlia e o escrevinhador (Brasil) (1977)
  • A Guerra do Fim do Mundo (1981)
  • Historia de Mayta (1984)
  • Quem matou Palomino Molero? (1986)
  • O falador (1987)
  • Elogio da madrasta (1988)
  • Lituma nos Andes (1993). Premio      Planeta
  • Os cadernos de Dom Rigoberto (1997)
  • A festa do bode (Brasil) (2000)
  • O Paraíso na Outra Esquina (2003)
  • Travessuras da Menina Má (2006)
  • O Sonho do Celta (2010)
  • O Herói Discreto (2013)

Teatro

  • A menina de Tacna (1981)
  • Kathie e o hipopótamo (1983)
  • La Chunga (1986)
  • El loco de los balcones (1993)
  • Olhos bonitos, quadros feios(1996)

Ensaio

  • García Márquez: historia de un      deicidio (1971)
  • Historia secreta de una novela (1971)
  • La orgía perpetua: Flaubert y «Madame      Bovary» (1975)
  • Contra viento y marea. Volume I      (1962-1982) (1983)
  • Contra viento y marea. Volume II      (1972-1983) (1986)
  • La verdad de las mentiras: Ensayos      sobre la novela moderna (1990)
  • Contra viento y marea. Volumen III      (1964-1988) (1990)
  • Carta de batalla por Tirant lo Blanc      (1991)
  • Desafíos a la libertad (1994)
  • La utopía arcaica. José María      Arguedas y las ficciones del indigenismo (1996)
  • Cartas a un novelista (1997)
  • El lenguaje de la pasión (2001)
  • La tentación de lo imposible (2004)
  • Sabres e Utopias (2009)
  • A civilização do espetáculo (2012)
Anúncios

Autor:

Estudante de Jornalismo na UFF, leitora voraz, que gosta muito de dividir com os amigos o que lê, o que gosta de ler e o que amou ler.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s