Publicado em Eu li

{eu li} Marina – Zafón

MARINA_1317135768BSinopse: Na Barcelona dos anos 1980, o menino Óscar Drai, um solitário aluno de internato, conhece Marina, uma jovem misteriosa que vive num casarão com o pai idoso. Em passeios pela cidade, os dois presenciam uma cena estranha num cemitério e se envolvem na resolução de um mistério que remonta aos anos 1940. Numa tentativa inútil de escapar da própria memória, Oscar abandona sua cidade. Acreditava que, colocando-se a uma distância segura, as vozes do passado se calariam. Quinze anos mais tarde, ele regressa à cidade para exorcizar seus fantasmas e enfrentar suas lembranças – a macabra aventura que marcou sua juventude, o terror e a loucura que cercaram a história de amor.

Esse é o único livro do Zafón que me faltava ler, o último publicado pelo autor foi em 2008. Zafón, cadê você hômi? Fiz resenhas dos livros aqui no blog, vou deixar os links no final. Marina foi escrito em 1999, e é um dos favoritos do autor (segundo a capa). Os livros do autor tem muito em comum e se passam a maioria em Barcelona e escondem sempre um mistério, desvendado por jovens e adolescentes, mas com uma história profunda. Esse mistério sempre toca nas mazelas humanas, na dificuldade dos sentimentos.

Os suspenses e histórias nunca são de graça e sempre mostram um pouco da nossa humanidade, no sentido de defeitos e até onde uma pessoa pode chegar por medo, amor, ambição… E esse livro não é diferente, o mistério que Oscar e Marina vão investigar é bem complexo e rico. Não tem como não se interessar na história de um homem (com muitas faces) e um talento para construir e elaborar próteses, mas com uma história de ruína.

E ao mesmo tempo não se interessar pela vida de Marina e seu pai, que vivem em uma Barcelona já esquecida e abandonada. Mas eu confesso que esperava mais dos motivos para o parzinho se envolver nesse mistério, fiquei esperando uma ligação mais forte entre eles e o passado investigado. A relação é mais a base da reflexão e do sentimento de perda, que não é mole de lidar, acho que no fim é um livro sobre perda e isso é muito bem trabalhado com o exemplo da história. Mas fiquei querendo um link mais tcham. Outra coisa que nesse livro não curti também são as cenas de ação, resolvidas sempre no corre corre dos personagens. Mas vale a pena ler para conhecer o mistério e a história do passado que Marina e Oscar encontram, que é como nos outros livros do autor criativa e tocante. Se você ler todos os livros do autor, você consegue perceber a evolução da sua forma de narrar, há uma mudança significativa da Trilogia da Névoa para Marina e de Marina para A sombra do vento. Deixei os links das resenhas no final.

 

Trilogia da Névoa (qualquer ordem)
As luzes de setembro – https://euliouvouler.wordpress.com/20…
O palácio da meia noite –
https://euliouvouler.wordpress.com/20…
O príncipe da névoa – https://euliouvouler.wordpress.com/20…

Trilogia A sombra do vento (melhor nessa ordem)
A sombra do vento – https://euliouvouler.wordpress.com/20…
O jogo do anjo – https://euliouvouler.wordpress.com/20…
O prisioneiro do céu – https://euliouvouler.wordpress.com/20…

Já leu algum livro do autor? Gostou? Quer ler? Não deixe de comentar! Suas críticas e sugestões são importantes.

beijos

Anúncios

Autor:

Estudante de Jornalismo na UFF, leitora voraz, que gosta muito de dividir com os amigos o que lê, o que gosta de ler e o que amou ler.

Um comentário em “{eu li} Marina – Zafón

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s