Publicado em Contos, Dicas

[BEDA] Indicando contos

Oi pessoal! Resolvi fazer um post indicando contos de acordo com cada temática 🙂
Eu acredito que eu deveria ler mais contos, e vocês leem muitos? Não deixe de comentar!

Horror
HISTORIAS_EXTRAORDINARIAS_1411867809BA máscara da morte rubra
é um conto bem apavorante do mestre Edgar Alan Poe, se você gosta de ler contos macabros e nunca leu nada dele está na hora. O conto trata da morte por uma doença letal e sinistra chamada Morte Rubra, e como o descaso de um príncipe que não se preocupava com seus súditos o faz pagar um grande preço. E você encontra no livro Histórias Extraordinárias.

Suspense
ANTES_DO_BAILE_VERDE_1386584826BTem um conto da Lygia Fagundes Telles do livro Antes do Baile Verde que li na escola e até hoje acho sensacional. Para quem não sabe nossa grande autora também escreveu bastante coisa ligada ao suspense e é o caso do Venha ver o pôr do sol. O título parece bem inocente, mas o final é surpreendente.

Amor
ponto_para_ler__contos_1476906837620994sk1476906837bLeio poucos contos de amor, o meu amigo Paulo em seu livro Ponto para ler – Contos, escreveu um intitulado Um conto de amor e guerra que traz uma história de amor medieval e deuses. Alguns trechos são bem bonitos. Vale a pena conhecer, você encontra na Amazon.

DIA_DE_FOLGA__1387836167BHistórico

Dia de folga do John Boyne é um conto que se passa na segunda guerra e mostra o comportamento de alguns soldados, seus sofrimentos e angústias.

Neste conto breve e melancólico, John Boyne (autor do best-seller O menino do pijama listrado) acompanha o dia de folga de um jovem soldado inglês e seus companheiros, que passam a véspera de Natal em uma das trincheiras da Primeira Guerra Mundial. Enquanto relembra os natais da infância e o conforto do seu lar, ele vê e ouve as bombas alemãs caindo a sua volta. Em meio a um dos piores conflitos do século XX, o jovem irá vivenciar um espírito natalino muito diferente do que estava acostumado.

Crítica Social
a-bela-e-a-feraEu fiquei apaixonada pelo conto da Clarice A bela e a fera, ele bota o dedo na ferida em um assunto que me toca demais. Qual a nossa relação com as pessoas que moram na rua? Quando fazer algo e quando não? Essas indagações estão no conto que traz uma crítica social bem ácida.

Espantada pelos enormes gritos do homem, começou a suar frio. Tomava plena consciência de que até agora fingira que não havia os que passavam fome, não falam nenhuma língua e que havia multidões anônimas mendigando para sobreviver. Ela soubera sim, mas desviara a cabeça e tampara os olhos. Todos, mas todos – sabem e fingem que não sabem. E mesmo que não fingissem iam ter um mal-estar. Como não teriam? Não nem isso teriam. (A bela e a fera ou A ferida grande demais)

Espero que tenham gostado da seleção. O que mais gostaria de ver no BEDA?

Boa leitura! bjos

Anúncios

Autor:

Estudante de Jornalismo na UFF, leitora voraz, que gosta muito de dividir com os amigos o que lê, o que gosta de ler e o que amou ler.

3 comentários em “[BEDA] Indicando contos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s