Publicado em Eu li, Outros

{euLi} O Seminarista – Rubem Fonseca #SETEMBROPOLICIAL

O_SEMINARISTA__1257616798BSinopse: Ex-seminarista que vive lembrando frases em latim, o matador de aluguel José gosta de ler poesia e de assistir filmes, e recebe os serviços de um personagem misterioso chamado Despachante. Disposto a iniciar uma vida nova, ele começa a receber dicas de que seria alvo de um antigo cliente.

Esse livro é muito bom! Seco, direto, impossível de largar até terminar. Acabei lendo logo que comprei e guardando a resenha para esse mês policial. Nunca tinha lido nada do autor, Rubem Fonseca, mas queria conhecer por ser um autor brasileiro importante nessa área (ele mesmo foi policial). A Tag – experiências literárias já havia indicado esse livro (gostaria de ser assinante, mas ainda não posso) e desde então fiquei com vontade também. O Seminarista foi publicado em 1925

O livro tem como personagem principal José que é um matador de aluguel e que narra sua história. Ele é um cara culto, que já foi seminarista então vive a citar frases em latim. Ama ler e assistir filmes. Poderia ter outra profissão facilmente, fiquei curiosa para saber como ele acabou se tornando O Especialista, um matador de renome. A fama vem de ele ser extremamente competente e não fazer perguntas. Recebe o nome do “Despachante” e não quer saber mais de nada, evita até ler os jornais. Mas no livro ele já está cansado dessa vida, não por remorso, porque enjoo mesmo. E é claro que sair dessa vida não é fácil e ele vai correr perigo. É engraçado que é difícil lendo o livro não simpatizar um pouco com o narrador, pelo tom em que ele conta a história e por gostar de ler, então confesso que acabei torcendo para que ele se safasse.

Fui para a minha casa, ver filmes em DVD e ler. São as duas coisas que mais gosto de fazer, depois de foder. (Estou me repetindo.) O dia em que eu me aposentar, quando puder levar uma vida ociosa, eu vou ler ainda mais, Otium sine litteris mors est et hominis viv sepultura.

A narrativa é bem direta ao ponto, sem grandes delongas e explicações, as coisas acontecem e a leitura flui. Tem bastante violência, mas não gratuita. José começa contando alguns dos seus trabalhos, muitas das pessoas estavam claramente envolvidas com o crime (ele mata um pedófilo com satisfação), mas outras ele fica sem saber mesmo o porque. O que sabemos é que ele não gosta de matar mulheres (matou poucas) e não faz mal a crianças e animais. As mulheres que passam por sua vida, são passageiras e ele nunca divide com ela seus segredos. Até que ele se apaixona.

Muitas pessoas devem achar estapafúrdio um sujeito que matou por encomenda uma porção de pessoas ser dominado por sentimentos dessa natureza. Para falar a verdade eu também me considerava incapaz de uma emoção tão profunda, sentia tesão pelas mulheres, e admiração, mas paixão nunca sentir antes. Na verdade, amor est vitae essentia, o amor é essência da vida.

O grande mote da história é o perigo que José passa a correr depois que resolve se aposentar, tudo indica que algum cliente antigo quer se livrar dele. E ele começa a investigar e tentar se proteger, o objetivo é matar antes de ser morto. Nessa história ninguém é completamente confiável, nem mesmo nosso narrador que cai em contradição em alguns momentos. Tem alguns personagens, não vão contar quais para não ser spoiler, que morrem mais de uma vez ou que ele dá explicações conflitantes para a morte. Tem que ler com atenção. Acredito que tenha sido uma estratégia do autor para deixar o leitor desconfiado com a veracidade do que o narrador nos conta. Vocês já eram? O que acham?

 Fiquei com muita vontade de ler outros livros do autor, então acredito que ele não demore muito a reaparecer por aqui.

Quer ver todos os posts do #SETEMBROPOLICIAL? Só clicar aqui ou ir na aba lá em cima com o mesmo nome sempre que desejar. Aproveite para conhecer os blogs que estão participando e  não perca nossos sorteios! Não deixe de comentar! beijos

Anúncios

Autor:

Estudante de Jornalismo na UFF, leitora voraz, que gosta muito de dividir com os amigos o que lê, o que gosta de ler e o que amou ler.

8 comentários em “{euLi} O Seminarista – Rubem Fonseca #SETEMBROPOLICIAL

  1. olá,
    Sempre ouvi bem deste livro, eu até o tenho aqui em casa, mas nunca consegui pega-lo para ler. Mas depois desta resenha vou ter que ler sem muita demora, ainda mais que eu adoro escritores que me desafiam na leitura, e como você disse que o próprio narrador diz coisas que se contradizem, a leitura deve ser ótima.
    Parabéns pela resenha.
    Abraços
    http://www.pontoparaler.com.br

  2. Oi Thami!!

    Eu já tive a oportunidade de ver rodando por aí o nome do Rubem Fonseca, mas infelizmente ainda não tive a oportunidade de ler algum livro dele. Na verdade, eu nunca nem li livros desse gênero escrito por brasileiros. O que é uma vergonha, eu sei.
    Gostei muito da premissa do livro e encontro-me motivada a lê-lo, obrigada pela dica.

    Cris
    Plataforma 9¾

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s